Comunicado das Obediências Maçônicas

Um ataque contra os princípios fundamentais da República

As obediências maçônicas signatárias condenam com a máxima força o terrível atentado cometido hoje contra o Jornal Charlie Hebdo.

Os autores destes crimes covardes e bárbaros cometeram o impensável contra a democracia, contra os valores da República Francesa e contra o secularismo que é um dos seus fundamentos.

Os maçons e as maçons recordam a sua dedicação e compromisso inabalável com defender, em todas as circunstâncias, a liberdade de expressão, especialmente a liberdade de imprensa e a liberdade absoluta de consciência.

Nossos amigos do Charlie Hebdo morreram porque eram consciências livres, porque eles acreditavam na grandeza da consciência humana, porque eles eram sem medo de defender suas ideias. Nós devemos a eles provar que sua luta pelos valores que compartilhamos prosseguirá com a mesma determinação.

Obediências signatárias:

Grande Oriente de França, Grande Loja da França, Federação Francesa de Direito Humano, Grande Loja Feminina da França e Grande Loja Tradicional e Simbólica Opera, Grande Loja Mista da França, Grande Loja Mista Universal, Ordem Iniciática e Tradicional da Arte Real, Grande Loja de Culturas e da Espiritualidade, Grande Loja da Aliança Maçônica Francesa.